" Ide por Todo Mundo e Pregai o Evangelho a Toda Criatura "

Marcos 16.15
Carregando...

A primeira Páscoa

Os Judeus viviam a 400 anos escravos sob o jugo do Faraó, Rei do Egito, quando Deus levou Moisés para libertar os israelitas. Mais não foi fácil, o Faraó era um homem de coração muito duro, e Deus mandou 10 pragas até que o Faraó deixou o povo sair do Egito. A 10º praga foi à morte dos primogênitos do povo egípcio. A orientação de Deus para o povo de Israel para que seus primogênitos não morressem era que eles pegassem um cordeiro de um ano, perfeito, sem mácula, para come-lo assado e o sangue do cordeiro teria que ser colocado nas portas das casas. Á os filhos primogênitos dos egípcios morreram, inclusive o filho do faraó. Finalmente Faraó permitiu a saída do povo israelita, mesmo que depois Faraó tenha mandado seu exercito ir atrás dos Judeus, acontecendo o episodio da abertura do mar vermelho.
Assim foi instituída a festa da páscoa, onde todos os anos o povo judeu passou a comemorar, comendo Paes se fermento, cordeiro assado e vinho, para jamais esquecerem esse fato tão importante na vida deles.
Muitos anos depois Deus enviou seu filho Jesus Cristo, com a finalidade de libertar de escravidão do pecado e como um cordeiro Ele foi crucificados e morto, mais venceu a morte e ressuscitou ao 3º dia. Antes de ser morto Jesus participou da ultima ceia, com sues discípulos, onde ordenou que todas as vezes que participássemos da ceia lembrássemos que o pão representaria o seu corpo e o vinho representaria o seu sangue derramado na cruz.
Pela antiga aliança, as pessoas só podiam aproximar-se de Deus por intermédio de um sacerdote, que oferecia um animal, perfeito, em sacrifício pelos pecados, depois que Jesus foi oferecido em sacrifício por nossos pecados, podemos ir diretamente a Deus, por meio da fé e oração porque a morte de Jesus nos tornou aceitáveis aos olhos de Deus.
Com o sacrifício de Cristo o homem pode realizar-se com Deus.
A páscoa para os judeus era (é) a recordação da libertação do Egito, a páscoa para nós os cristãos é a recordação do sacrifício de Cristo, libertação dos pecados, reconciliação com Deus.
“Porque Deus amou o mundo, de tal maneira que deu o seu filho unigênito, para que todo o que nele crê não pereça, mais tenha a vida eterna.”

Referências Bíblicas: Êxodo 12 e Marcos 14:12-26

Kelia

ibfarol

Missões Nacionais

Missões Mundiais

Radical

Missões no Orkut

Adoção Missionária

Intercessão

UBE

UBE
União de Blogueiros Evangélicos

Seguidores

Estatísticas